Seguidores

7 Principais erros cometidos em blogs de artesanato


Esta postagem está originalmente na Revista  Artesanato,E me chegou no momento exato em que pensava fazer este alerta,para facilitar a interação entre blogs,pois muitos já sofremos com a qualidade da internete nem sempre boa e ainda nos deparamos com tudo isto aí abaixo e mais algumas coisitas.Agradeço a leitura e atenção.E não são apenas os blogs de artesanato que cometem estas falhas;São blogs de conteúdos gerais.Beijos carinhosos!!!

Posted: 26 Feb 2012 05:22 PM PST
Estar presente na internet é muito importante para quem quer divulgar suas ideias e trabalhos. E os blogs são um meio muito eficaz de divulgar o que você faz. No entanto, se quiser mesmo ter sucesso com o seu blog, você deve fazer um trabalho profissional. Não adianta nada colocar o seu trabalho em um blog feio, amador e que ninguém quer visitar. E para evitar que você cometa alguns erros básicos, estamos mostrando aqui os 7 principais erros cometidos por blogueiros iniciantes. Vale a pena conferir e observar se você está cometendo algum desses erros. Se estiver, fique atento para corrigir o mais breve possível.
1)             Fotos de baixa qualidade

Esse, sem dúvida, é um dos principais erros encontrados em blogs. Você só vai prejudicar a imagem do seu trabalho se colocar fotos ruins, de baixa qualidade. Isso passa uma péssima impressão para quem está comprando e certamente tira a beleza dos seus produtos. A foto é o cartão de visita do seu produto, se ela passar uma boa imagem, o seu trabalho será valorizado. Invista em boas fotos e você vai ter bons resultados. Já postamos dicas para você tirar boas fotos, clique aqui e confira.

2)           Marcas d’água exageradas em imagens


Esse é mais um erro bastante comum. Pensar em proteger as suas fotos contra quem copia e acabar exagerando. Há muita gente por aí que coloca essas marcas d’água nas fotos, prejudicando completamente a visualização da foto. Quer uma dica? Se for mesmo colocar o seu nome ou endereço do seu blog na foto, coloque no cantinho. Quanto menor, melhor! Não se preocupe com cópias, elas sempre existiram e vão continuar existindo. Instrua a pessoa que acessa o seu blog a colocar os créditos da foto quando for copiar, ao invés de poluir as suas fotos com marcas d’água

3) Blog com poluição visual, muito colorido e de mal gosto



                        Você adora imagens coloridas,brilhos,objetos se movimentando?Pois o seu visitante provavelmente não gosta.É muito ruim quando você entra em um site poluido visualmente.Dificilmente uma pessoa vai conseguir permanecer no seu blog por muito tempo se ele é assim.Quanto mais claro e limpo é seu blog,menos cansado o visitante vai ficar e mais ele vai poder admirar os seus trabalhos.Não deixe os adereços do seu blog chamarem mais atenção que o seu trabalho.Quando você coloca muitos detalhes no site,o trabalho fica ofuscado.Se você acha que os visitantes gostam de bichinhos mexendo e brilho,você está errada. 

4) Fontes difíceis de ler e com fundo sem contraste


Quando você escreve um texto no blog provavelmente vai querer que os visitantes leiam, não é? Então facilite a vida do seu visitante, escolha fontes fáceis de ler e coloque a cor do texto com um contraste legal em relação ao fundo. O ideal é colocar uma letra preta em um fundo claro com uma fonte básica, como Arial. Coloque também um tamanho médio, evite fontes muito pequenas. Se o seu visitante acessa o site e tem dificuldade em ler o que está escrito, pode ter certeza que ele vai perder a paciência logo, logo.

5) Conteúdo de baixa qualidade


Todos nós que navegamos na internet estamos em busca de informações. Não há nada pior que entrar em um site que não tenha aquilo que você está procurando. Pensando nisso, faça o conteúdo do seu blog ser atrativo para o visitante. Vamos imaginar que você trabalhe com roupas decoradas com Fuxico. No seu blog você pode dar dicas de como usar as roupas, como combinar, qual tipo de peça sua adequada para cada ocasião. Não é muito melhor entrar em um site que tenha dicas e informações ao invés de somente fotos de produtos? Certamente o seu visitante vai gostar, ficar mais tempo no site e se interessar mais pelos seus produtos.

6) Contato difícil de encontrar


Se você tem um blog para divulgar os seus produtos, provavelmente vai querer que os seus visitantes entrem em contato com você. Certamente o contato é fundamental para que as pessoas façam perguntas e tirem as suas dúvidas. Mesmo sendo isso algo fundamental, em alguns blogs é uma tarefa quase impossível entrar em contato com o blogueiro. Isso porque o contato da pessoa não está claro no site e é necessário ficar procurando por toda a página até encontrar a o e-mail ou página de contato. Ao fazer um blog deixe bem claro qual é o seu e-mail e incentive as pessoas a entrarem em contato. Assim você poderá conhecer quem tem interesse no seu produto.

7) Música de fundo




Para finalizar, o sétimo erro mais comum: as músicas de fundo em blogs. Isso realmente é muito irritante, entrar em um site e ser surpreendido por uma música de fundo. Imagine se você está em um dia com dor de cabeça, sem muita paciência e, navegando na internet, encontra um site que toca uma música. O que você vai fazer? Fechar o site, obviamente. Imagine então se você não gostar da música? Aí é pior ainda. Depois de imaginar essas situações, pense duas vezes antes de colocar uma música no seu blog.

Seu blog

E você, está cometendo algum desses erros? Deixe o seu comentário sobre esse assunto.

 

 


Certos cérebros podem ser “propensos” ao vício
Um novo estudo indica que anormalidades no cérebro podem tornar algumas pessoas mais susceptíveis a se tornarem viciadas em drogas do que outras.
O estudo sugere a dependência é em parte um “distúrbio do cérebro”, uma doença mental. E, como os cientistas descobriram as mesmas diferenças nos cérebros de viciados e de seus irmãos e irmãs não viciados, isso oferece esperança de novas formas de ensinar aos viciados “autocontrole”.
Já faz um tempo que os pesquisadores sabem que o cérebro de viciados em drogas têm algumas diferenças, mas explicá-las tem sido mais difícil.
Os especialistas não tinham certeza se as drogas mudavam o cérebro dos usuários, ou se cérebros de dependentes de drogas eram diferentes, em primeiro lugar.
O novo estudo tentou responder essa questão, comparando os cérebros de 50 viciados em crack ou cocaína com o cérebro de seu irmão ou irmã, que nunca tinha usado drogas. Ambos viciados e irmãos não viciados tinham as mesmas anomalias na região do cérebro que controla o comportamento, o sistema frontoestriatal.
A sugestão é de que estes cérebros podem ser “propensos” ao vício. Mas há muito tempo se sabe que nem todo mundo que usa drogas se torna viciado. “Isso mostra que a toxicodependência não é uma escolha de estilo de vida, é um distúrbio do cérebro e precisamos reconhecer isso”, disse a pesquisadora do estudo, Karen Ersche.
No entanto, os irmãos não viciados do estudo tiveram uma vida muito diferente, apesar de compartilhar a mesma susceptibilidade. “Estes irmãos e irmãs que não têm problemas de dependência podem nos dizer como superar esses problemas, como eles conseguiram autocontrole em sua vida diária”, explicou Karen.
O psiquiatra Paul Keedwell disse que o vício, como a maioria das doenças psiquiátricas, é produto tanto da natureza quanto da criação. “Precisamos acompanhar as pessoas por mais tempo para quantificar o risco relativo de natureza versus criação”, comentou.
É possível que as semelhanças no cérebro dos irmãos não se deva à genética, mas sim ao fato de terem crescido na mesma casa. Pesquisas sobre a relação entre o vício e a estrutura do cérebro estão longe de terminar.
Se for verdade que o vício não altera o cérebro, mas sim toma conta de um cérebro propenso, isso pode abrir caminho para novas terapias e tratamentos e até mesmo prevenção de vícios.[BBC]

AZUL

AZUL

PERNAMBUCO

PERNAMBUCO
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

QUER PERSONALIZAR SEU BLOG?CLIQUE NO SELO E FALE A MERI!!!!